Sistema FAEB

Boi: Desempenho das exportações surpreende no 1º trimestre

Com o consumo doméstico de carne bovina enfraquecido, o mercado externo continua sendo um importante canal de escoamento do produto brasileiro neste ano e, consequentemente, um fator de sustentação aos preços internos da arroba do boi. De janeiro a março de 2018, o volume de carne bovina in natura exportado e a receita obtida com as vendas foram recordes para um primeiro trimestre. De acordo com dados da Secex, o Brasil embarcou 319,05 mil toneladas de carne bovina in natura no primeiro trimestre deste ano, 20,55% acima do volume exportado no mesmo período do ano passado. Quanto à receita, somou R$ 4,217 bilhões no período, 24,09% superior à obtida entre janeiro e março de 2017. Segundo pesquisadores do Cepea, as exportações têm sustentado os valores internos da arroba do boi, à medida que enxuga a disponibilidade doméstica. Desde o início deste ano, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa (São Paulo) registra ligeira queda de 1,16%, oscilando entre R$ 143,00 (em 28 de março) e 148,7 (em 10 de janeiro).

Fonte: Cepea

Posts Relacionados

Deixe um comentário

plugins premium WordPress